Buscando por?

Notícias

FARRA DOS COMBUSTÍVEIS: Com tanque de 50 litros, Uno abasteceu 149 litros

Relatórios apontam comportamentos atípicos nos abastecimentos de veículos da frota da Prefeitura de São João Batista
Por: Jonas Hames - 30/10/2023 10:00min- São João Batista

 

Apuração dos gastos com abastecimentos pela Prefeitura de São João Batista, vem apresentando dados impressionantes sobre a farra dos combustíveis. Segundo relatórios da apuração, um Fiat Uno com tanque com capacidade de 50 litros teria abastecido 149 litros. Em outro caso, uma Fiat Mobi com capacidade 47 litros, recebeu 115 litros na bomba.

 

Fotos: Arquivo/Divulgação

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Uma comissão interna de investigação, que apura os gastos de combustíveis da Prefeitura de São João Batista. O rombo pode ultrapassar os R$  300 mil , apesar da apuração ainda não ter sido finalizada. Nos bastidores já se fala em mais de R$ 1 milhão em prejuízos.

De acordo com informações apuradas pela coluna, um servidor que estava de férias teve seu cartão de abastecimento utilizado de forma irregular seguidas vezes, e nesse CPF foram registrados abastecimentos de um veículo que estava estragado e sem possibilidade de se movimentar. Entre janeiro e setembro de 2023 o município gastou mais de  R$ 2,3 milhões em abastecimentos. No entanto, a comissão ainda não concluiu a apuração e os valores podem ser maiores. 

 

 

Segundo informações, o relatório aponta que um único veículo (placa QJL7527) abasteceu cinco vezes no mesmo dia, em um intervalo de apenas 1h30, totalizando aproximadamente 770 litros de combustível.

 

 

Em uma única abastecida, o veículo com tanque com capacidade de 52 litros abasteceu 200 litros.

 

Os registros apontam ainda que um Fiat Mobi abasteceu 115 litros mesmo tendo tanque com capacidade de 47 litros, e um Fiat Uno abasteceu 149 litros em um tanque com capacidade e 50 litros.

 

Um outro carro, um Renault Kangoo abasteceu 200 litros, quando a capacidade é de 52 litros.

 

A investigação interna foi prorrogada por mais 90 dias.  A motivação para abertura da investigação, é a averiguação das funcionalidades do sistema, se há correspondência no que o sistema aponta como dados devidos e o que foi efetivamente aplicado e a eventualidade de divergências. 

Neste momento está sendo feito um levantamento de dados e, posteriormente, será elaborado um relatório final que será enviado ao Prefeito do Município, para que se tome as medidas cabíveis.

 

 

Nos bastidores já corre uma tentativa de justificar os gastos, atribuindo o consumo elevado a enchente que afetou o município em dezembro de 2022. Apesar disso, com a enchente as aulas foram suspensas, e parte do serviços públicos ficou comprometido. Neste período o serviço de transporte de estudantes e em outras áreas foram suspensos.

 

Top

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Li e aceito os termos.

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para comercial@vipsocial.com.br.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Você será redirecionado em alguns segundos!