Buscando por?

Notícias

Show do Milhão: Prefeitura prevê gastar mais de R$ 284 milhões em 2024

Lei de Diretrizes Orçamentária indica como a Prefeitura de Tijucas pretende gastar no próximo ano
Por: Jonas Hames - 27/10/2023 08:00min- Tijucas

 

Quem quer dinheiro? Não é o Show do Milhão, mas a Lei de Diretrizes Orçamentárias que passou pela Câmara de Vereadores de Tijucas, indica a quantidade de recursos que a Prefeitura Municipal deverá gastar no último ano do mandato do professor Elói. Estão previstas despesas que ultrapassam os R$ 284 milhões.

 

Fotos: Arquivo/VipSocial

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

É o show do milhão, mas, esse valor, no entanto, é uma previsão. Isso significa que o município tem autorização para gastar, e não necessariamente vai mesmo usar os recursos.

 

Mas, veja bem: se está previsto, e se tratam de gastos, dá-se um jeito de torrar.

 

Do valor total, R$ 129 milhões serão para pagar funcionários da Prefeitura. Só com recursos próprios a conta não fecharia e por isso a Administração conta com a transferência de recursos do Governo Federal, Estado e Emendas. Todos os dados constam nos anexos analisados pela Câmara de Vereadores. Aliás, são os vereadores que aprovam se pode ou não pode. No geral, pode.

 

 

A Educação responde por R$ 96 milhões de despesas previstas. Na sequência vem a Secretaria de Obras com R$ 67 milhões, enquanto a saúde fica com R$ 33 milhões.

 

 

Já a previsão de gastos para a Câmara de Vereadores é de R$ R$ 6 milhões, e o gabinete do prefeito com R$ 2,5 milhões. A planilha especifica autorização de despesas para cada área do Poder Público.

São milhões e mais milhões.

E a pergunta de milhões: existe dinheiro para todos esses gastos? A resposta é sim e não. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), trata das metas e prioridades do Governo e determina como serão feitas as transferências de recursos.

 

A LDO é a base para equilibrar receitas e despesas, controlar custos e avaliar resultados.

 

Então a resposta final é sim, porque a Prefeitura tem uma previsão de que poderá ter entrada de dinheiro suficiente para cobrir essas despesas. E não, porque isso é como contar com o ovo da galinha. Ou seja, algum repasse pode não ser feito e então a conta pode não fechar.

No mais é isso. São R$ 284 milhões de orçamento. Quem quer dinheiro?

 

 

Em paralelo...

A Câmara de Vereadores também aprovou através de uma lei específica, a colocação no orçamento do município um valor de R$ 60 mil para a Festa do Divino de 2024.

 

Top

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Li e aceito os termos.

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para comercial@vipsocial.com.br.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Você será redirecionado em alguns segundos!